Comissão especial do homicídio de jovens ouve assessora da Anistia Internacional

A Comissão Especial que trata do Enfrentamento ao Homicídio de Jovens (PL 2438/15) realiza audiência pública nesta terça-feira (7) para ouvir a assessora de Direitos Humanos da Anistia Internacional no Brasil, Renata Neder.

A audiência será realizada atendendo a requerimento do deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), presidente da comissão. Ele lembra que a Anistia Internacional é um movimento global com mais de 3 milhões de apoiadores, que realiza ações e campanhas para que os direitos humanos sejam reconhecidos, respeitados e protegidos internacionalmente.

Reginaldo Lopes justificou o seu convite destacando que “recentemente, a Anistia Internacional encampou o Manifesto “Queremos ver os jovens vivos”, iniciativa integrante da campanha Jovem Negro Vivo, que tem como objetivo chamar a atenção para o alto número de homicídios no Brasil, em especial entre a juventude negra”.

Segundo o deputado, a convidada poderá ajudar a esclarecer a respeito de dados e indicadores da violência contra os jovens no país, o que irá contribuir para o debate e os trabalhos da comissão.

A reunião está marcada para 14h30, no plenário 15.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

 

Fonte: Agência Câmara